Informações Gerais para Primeiro Uso do Axio Scan

 

Como funciona o Axio?
1. O Axio é um escâner de lâminas, capaz de criar uma imagem digitalizada de uma lâmina histológica. Ele tem um sistema de foco automatizado, que é prejudicado por amostras muito claras e/ou cortes assimétricos, que acabam tendo diferentes profundidades. Sujeira na lâmina, bem como partes dobradas no tecido também prejudicam a formação de uma imagem que possa ser claramente visualizada.
2. O escaneamento é um processo demorado, que pode levar até mais de uma hora por lâmina, dependendo da área e do aumento desejado (20X ou 40X). É importante considerar esse tempo ao planejar a análise.
3. O usuário deve trazer as lâminas, em conformidade com os parâmetros descritos abaixo e após o tempo total de escaneamento terá acesso as imagens geradas.
 Procedimentos a serem realizados anteriormente ao escaneamento
1. Para a leitura no Axio as lâminas histológicas têm que passar por um procedimento específico de limpeza com lâmina de barbear. Esse procedimento visa retirar o excesso de resina (Enthelan e similares) que possa ter ficado sobre a lamínula e nas bordas da lâmina. É importante ressaltar também que não pode haver “rebarbas” na lâmina histológica. ASSISTA UM VÍDEO DEMONSTRATIVO DO PROCEDIMENTO.
 2. É importante que não haja adesivos na parte superior da lâminas, a fim de evitar problemas no equipamento (lâminas podem ficar presas caso parte do adesivo “levante” e cole no equipamento).

 

 

 

 

 

 

 

3. Caso a identificação esteja a lápis sugerimos que seja colado um pedaço de fita crepe na parte inferior da lâminas, atrás dos escritos, a fim de facilitar a visualização do mesmo nas análises das imagens escaneadas. Vide Exemplo e  ASSISTA UM VÍDEO DEMONSTRATIVO DO PROCEDIMENTO.

 

4. As vezes a lamínula é mal posicionada e fica com uma “quina” para fora da lâmina. Esse tipo de quina deve ser lixada utilizando uma lixa de unha, de forma que toda a borda da lâmina histológica esteja uniforme no momento da leitura no equipamento.
5. Como sujeiras e manchas podem comprometer a qualidade do escaneamento, quanto mais limpa a lâmina histológica estiver, melhor. Recomenda-se após os processos anteriores, a limpeza da lâmina com papel macio e solução limpa vidros (as comuns, encontradas em mercado).

Acesso as imagens geradas
1. A imagem gerada de cada lâmina pode facilmente chegar a mais de 1Gb. Utilizamos o HD do LAMEB, e para ter acesso as imagens você deve trazer um notebook até o laboratório.
2. Para um número não tão grande de lâminas escaneadas existe a possibilidade de transferência via Drive. Converse com o corpo técnico.
Análise das imagens
1. As imagens do escaneamento são geradas em .czi, um formato específico. Elas podem ser analisadas e convertidas para imagens em formatos comuns utilizando o programa Zen, disponibilizado de maneira gratuita pela Zeiss.
2. Para analisar as imagens no seu computador você deve baixar o programa Zen Blue. Ele está disponível aqui em nosso drive. Você deve baixar a pasta “Programa do Axio” inteira, clicar no arquivo Setup .exe e instalar a versão Blue.
3. Caso prefira, aqui tem um Tutorial para versão disponibilizada pela Zeiss online.
4. O Programa de análise parece um pouco complexo, mas o usuário se familiariza com ele com o tempo de uso. Temos uma pasta no Drive do LAMEB com várias informações referentes ao Axio, incluindo o “User Guide” para ajudar nas análises.
5. Disponibilizamos um vídeo explicativo inicial para o programa de análise (Zen). O acesso está disponível no drive.